Seja bem-vindo, visitante

Olá, Visitante. Chegou aqui, vindo sei lá de onde, quiçá cansado de tantas caminhadas e descaminhos. Pois bem, sente-se, relaxe e leia algumas destas coisinhas, vai ver que fica melhor... Um abraço da Felipa

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Chama de Amor do Imaculado Coração de Maria


15º DIA DO MÊS DAS ALMAS

Estes são os livros que leio de vez em quando e que me ajudam na devoção às almas do purgatório. O mais recente que comprei é o Manuscrito do Purgatório, mas do que vou falar aqui é deste:
Há uns anos, ainda eu era adolescente, veio parar às minhas mãos um livrinho sobre a Chama de Amor do Imaculado Coração de Maria, livrinho esse que emprestei e fiquei sem ele.
Há três ou quatro anos voltei a encontrá-lo à venda e comprei-o. Trata-se do resumo das palavras de Jesus e de Sua Mãe a uma senhora da Hungria, uma pobre viúva, mãe de seis filhos. Recomendaram-lhe que espalhasse a Chama de Amor do Imaculado Coração de Maria pelo mundo, através da qual Jesus prometia imensa graças, para fazer bem aos homens e às almas.
Jesus deu-lhe recomendações para várias intenções, uma para cada dia da semana, mas a que me chamou a atenção foi a das segundas-feiras. Constava de jejum, a pão e água, para libertar a alma de um sacerdote do purgatório, apelando à Chama de Amor do Imaculado Coração de Maria.


Nesse tempo eu tinha 16 anos mas a minha devoção às Almas do Purgatório já existia, acentuando-se nessa altura. Fiz alguns jejuns, mas depois abandonei essa prática por não conseguir fazê-la em privado e ser constantemente ridicularizada ou tentada a parar com isso. E os anos passaram…
Este mês voltei a ler esse livrinho, aliás, já o li em Outubro enquanto ia tentando ganhar ideias para esta caminhada de oração que iniciámos. E fiz o jejum logo no primeiro dia do mês, o dia de Todos-os-Santos.
Na semana passada voltei a fazê-lo e hoje também estou a tentar; e digo tentar porque só ao final do dia saberei se o consegui fazer, pois as tentações são muitas e a carne é fraca. Peço, no entanto, ajuda às almas do purgatório e sei que elas me ajudarão neste sacrifício por elas.
Não faço esta divulgação para glória própria (normalmente sou discreta e só em casa se apercebem de que faço o jejum, embora não saibam por quê) mas para dar a conhecer esta boa prática pelas almas, pois acredito que com isso estou a fazer o bem.
Aconselho a leitura do livrinho. Apesar de no início ter algumas imprecisões quanto a datas dos acontecimentos, depois segue-se um relato das recomendações de Jesus e de Nossa Senhora que não devem ser ignoradas.
Claro que ninguém está obrigado a acreditar nelas, mas o coração de cada um saberá o que fazer.


Dai-lhes, Senhor, o eterno descanso
Entre os esplendores da Luz perpétua.

Que descansem em paz,
Ámen.

13 comentários:

Folhas do silêncio disse...

Felipa!

Conheço todos os livros, excepto o "Manuscrito do Purgatório"

Será possível, revelares um pouco dele, fiquei curiosa.

Beijinho

Simplesmente maria

RETIRO do ÉDEN disse...

Muito contínuo a aprender convosco.
Obrigada Senhor e Louvado Sejas.
Dai-lhes Senhor o eterno descanso.
Ámen.
Abraço carinhoso
Mer

DE MÃOS DADAS disse...

Que lindas coisas aprendemos nesta caminhada.
Fico imensamente grata por todas aquelas que me ensinaram tanta coisa... e também ás almas daqueles que estão a contemplar a face do Deus de Jesus Cristo.
Obrigada.
Utilia

malu disse...

Olá Felipa,

Cá estamos novamente de capelita em capelita, agora pelas almas do Purgatório. Gosto muito de trocar impressões sobre estes livros que lemos e faço-o com um dos meus irmãos que fez anos há pouco e lá fui comprar-lhe um. Aí dei com o "Manuscrito" e trouxe para mim, mas ainda não o abri. Só folheei e li sobre a autenticidade dos testemunhos no mesmo e que foi revisto por vários teólogos conceituados e aprovado. A chama de Amor, ofereceram-me em miúda e acho que dei. Mas lembro-me de me ter impressionado (no bom sentido) muito e irei procurar outro exemplar.

Obrigada por isso e desculpa o entusiasmo daqui. Dás-nos a ver tantos meios que temos para ajudar os que ainda precisam das nossas orações, neste caso as almas do Purgatório e sobre a necessidade de "rezar sempre" ...

Bjs gratos em Cristo e Maria.

Nova Civilização disse...

Amiga Felipa,

Fiquei feliz em ler tudo que você escreveu. O jejum é um santo sacrifício.
Essa caminhada está sendo muito especial!

beijinhos no coração,

Gisele

ETERNA APAIXONADA disse...

Distante, acompanho os passos espiritualmente, de mãos dadas...
Tenha uma linda semana, querida amiga.
Beijos

Fa menor disse...

Uma Chama de Amor do Imaculado Coração de Maria... Maria, a Mãe de Deus e nossa Mãe sempre intercedendo pelos seus filhos.

Devemos, sim, fazer orações e oferecer sacrifícios pelas almas, com a certeza de que nunca ficarão sem efeito, pois Deus fará a sua aplicação às almas que mais precisadas estiverem.

Obrigada pelas sugestões.

Beijos

teresa disse...

destes 5 livros , já li três , graças a deus ..
adorei este testemunho maravilhoso que aqui nos deixas-te ...
bem ajas amiga pelo teu sacrificio , elas [as almas ] com certeza vão te agradecer muito ...

beijo ..

Ailime disse...

Olá Felipa,
Muito grata por este seu maravilhoso testemunho de Fé e também por todo o conhecimento que me tem transmitido sobre as almas do Purgatório.
Não conhecia estes livrinhos mas vou tentar encontrá-los numa das livrarias Paulus em Lisboa.
Continuemos a orar pelas almas do Purgatório e que o Senhor as tenha no Seu Eterno Descanso.
Um beijinho.
Ailime

Felipa disse...

Amiga Maria, o Manuscrito do Purgatório é um relato das "relações" entre uma religiosa (Irmã Maria da Cruz) e a alma de uma companheira morta (Irmã Maria Gabriela).
Essa alma aparece-lhe por mercê de Deus, que lhe dá a conhecer muitas coisas acerca do Purgatório, enquanto lhe pede orações e sacrifícios para a ajudar a aliviar a pena e ao mesmo tempo santificar a irmã Maria da Cruz.
Vale a pena ler, tem muitos ensinamentos e conselhos que podemos aproveitar para o bem da nossa própria alma, além de aliviarmos as almas sofredoras.

Obrigada pelo comentário
Beijinhos

Felipa disse...

Queridas amigas, obrigada a todas pelos edificantes comentários.

Sem querer chamar a mim méritos que não tenho, quero dizer que ainda mantenho o jejum, as almas mais uma vez me ajudaram a cumpri-lo.
É quase meia-noite, penso que nada fará com que não o cumpra; se ainda estiver acordada depois disso, comerei qualquer coisa antes de dormir...

As almas dão-nos força e ajudam-nos a cumprir sacrifícios e orações por elas, se lhes pedirmos ajuda; Deus, amante das almas, concede-lhes o que elas Lhe pedem para nós, pois sabe que as aliviaremos e Ele ama-as muito.

Beijinhos para todas

Dulce disse...

Olá Felipa
Como tenho aprendido tanto nesta caminhada e sinto que até ao final do mês ainda muito se irá aprofundar e partilhar.
Este seu testemunho de sacrificio é muito bonito e fico pensando o quanto valioso será para retirar do purgtório tantas almas sofredoras.
Obrigado por tudo.
Beijinho

Miguel Afonso disse...

Que o Senhor lhes dê o eterno descanso, entre os resplendores da eterna luz...